''Fechar-se não está com nada , as pessoas são sempre o que de melhor existe .''
(Caio F. Abreu)

segunda-feira, 19 de abril de 2010

Louca sonhadora e fora de mim


Louca de amor, fome de paixão, sede de desejo e vida de fantasias. Louca, pequena e louca. Cresci em tão pouco tempo e em menos ainda já tive desejos. Com medos acabei me tornando forte. Orgulho além da conta fez com que perdesse amores, futilidades tantas, paixões. Angustiada aprendi a lidar com os meus próprios sentimentos. Fui criando novos caminhos nessa minha trilha até o presente, cheguei. Estou aqui! Viva de amores, vida de paixões e como toda mulher de ilusões. Sou dona de mim, mas meu coração me afronta. Me ganha aos poucos, me vence ao fim. Com ele me entrego e por ele assumo erros que não seriam meus, e sim dele. Só dele. Não me culpo e nem o culpo por agir sozinho e não me perguntar o que pode ou não fazer. Ele manda em mim, sou ele – sou dele. Sou de coração, paixão, sou emoção. Cansa, meu bem, quebrar a cara. Bater de frente com a emoção, com a paixão e ter que voltar atrás. Ninguém entende é a frase mais dita. Amores não são entendidos, são vividos. - APREEEEEEENDE! – digo à mim mesma.
Quem dera poder dizer que aprendi. Se de fato essa frase adiantasse não haveria tantos corações quebrados, despedaçados e pisados. Não haveria amores mal acabados e sonhos largados ao vento. Deixados de lado. E mesmo com tantas decepções vividas e tantas vontades largadas, esquecidas não me acabo. Continuo vivendo e acreditando. Cansei. Minhas fantasias crescem a cada dia, minha vontade de ver os amores sendo mais vividos e não chorados ainda me vence. Mesmo quando vejo exemplos do contrário. Acredito. Não há mais em mim medos de me entregar a desejos e sentimentos. Vivo e tenho fome de realizar. Realizo. O que vive dentro de mim, ninguém mais entende. - DEIXA ACONTECER – repito.

Não é assim, o que acontece só se concretiza por que alguém busca, corre atrás e não deixa simplesmente por conta do acaso – ou destino. Seremos mais sonhadores e menos realistas. Muitas vezes funciona. Amores bem resolvidos acontecem sim, vá em frente. Acredite. Caia e levante. Tudo tem sua hora, mas não pára, o tempo corre.

3 comentários:

Gabriel Navarro disse...

Bom texto. O amor é assim mesmo. Ai, são tantas frustrações que perdemos a vontade de acreditar em tudo, em qualquer tipo de felicidade futura. Mas um dia a dor passa, o sangue pulsa, e novamente as esperanças voltam. Isso mesmo, dar cara à tapa. Temos de sofrer muito para ser feliz. A vitória sorri mais facilmente aos ousados!

Mayara Almeida disse...

Oi,
obrigada pelo elogio.
Interessante as coisas que encontrei por aqui também.

Até uma próxima.

Beert disse...

Obrigado por me seguir :) acompanho-te desde já; Belo texto rs

Related Posts with Thumbnails